Hambúrguer de Quinoa e Feijão

De vez em quando bate uma inspiração de fazer uma coisa tão irada que até você acha super mega ultra hiper irado. Esse hambúrguer já estava sendo elaborado na minha cabeça sem nem eu mesmo saber, há algum tempo, de tanto ver e ouvir falar e comer hambúrgueres vegetarianos fui me apaixonando por eles.

Foi quando a Flora disse que vinha aqui em casa que achei que seria a oportunidade perfeita para tentar colocar em prática o melhor burguer vegetariano que eu conseguisse pensar em fazer. E por isso coloquei feijão, quinoa e cogumelos juntos em um só lugar, como numa dança com perfeita sintonia que te leva para outro patamar de comida.

Vem comigo porque, olha, só amor essa receita.

Hambúrguer de Quinoa com Cogumelos

Ingredientes:
– 2 xícaras de feijão preto cozido
– 1/2 xícara de quinoa em grãos
– 100g de cogumelos paris
– 2 dentes de alho
– 1/2 xícara de chá de farinha de rosca
– 1 colher de chá de cominho em pó
– Sal e pimenta do reino a gosto

Para começar, bata no processador o alho. Adicione os cogumelos e triture bem.

Coloque o feijão (apenas os caroços) e a quinoa e bata para formar uma pasta. Retire do processador e, com a ajuda de uma espátula, coloque a farinha de rosca, o cominho, o sal e a pimenta. Mexa até ficar homogêneo.

Se necessário, coloque mais farinha de rosca. É preciso que a massa desgrude das mãos.

Modele os hambúrgueres e coloque-os na chapa bem quente, com um pouco de azeite e deixe que doure dos dois lados. Passe para o pão e coloque o molho que a Flora ensinou pra gente por cima. Feche o pão e coma sendo o mais feliz que puder ser!

Nossa receita rendeu 5 hambúrgueres!

Hambúrguer de Quinoa com Cogumelos Hambúrguer de Quinoa com Cogumelos

Anúncios

Chili de Quinoa

Ultimamente tenho realizado muitos desejos culinários do Felipe. É incrível mas descobri que todos esses desejos também eram meus e eu não sabia. Não é fofo? Ou talvez eu só goste muito MUITO de comer qualquer coisa que fique deliciosa (e se você não gosta, provavelmente nem deveria estar lendo isso)!

A ideia desse post surgiu porque um amigo meu me disse que nunca tinha comido um chilli bom e cremoso aqui, só viajando. Ou algo mais ou menos assim. O que importa é que, bem, eu adoro um desafio e no fundo no fundo eu acho que minha cara diz isso pra todas as pessoas que passam por mim.

E com esse chilli não foi diferente. Aceitei o desafio e diria até que o superei, já que consegui fazer um belissimo chilli VE GA NO. Obrigada a todos os envolvidos, aos ingredientes e principalmente ao fogão porque às vezes é realmente necessário deixar algo cozinhando por 3 horas.

Chili de Quinoa (Vegano)

Ingredientes:
– 400g de feijão marrom cozido
– 1/2 xícara de quinoa
– 4 tomates
– 1 lata de tomate sem pele
– 1 cebola
2 pimentas jalapeño em conserva (receita aqui!)
– 2 dentes de alho
– 1 colher de sopa de cacau em pó
– 1 colher de chá de mel
– 1 colher de chá de páprica
– 1/2 colher de chá de cominho
– 1 pitada de sal
– 1 colher de chá de molho de pimenta

Comece cortando a cebola em cubinhos e os dentes de alho bem picadinhos. Corte também os tomates, com as polpas, e reserve.

Aqueça uma panela com óleo e refogue a cebola e o alho. Em seguida, adicione os tomates e deixe refogar por 2 minutos. Coloque a lata de tomate sem pele e mais uma vez a quantidade dela de água. Enquanto essa mistura aquece, corte as pimentas jalapeño até quase formarem uma pastinha.

Adicione à panela a quinoa e o feijão e mexa bem. Coloque o cacau em pó, o mel, a páprica, o cominho e o molho de pimenta. Mexa e adicione a pimenta e o sal, mexa novamente.

O cacau é usado, nesse caso, para dar cor ao chili e evitar que ele fique ácido demais (também é trabalho do mel fazer isso!).

Tampe a panela e deixe cozinhar por 15 minutos. Volte e complete com mais 300ml de água. Tampe e deixe cozinhar por 3 horas, mexendo de vez em quando. Se a sua panela, assim como a nossa, for de inox, você vai precisar ficar de olho porque a tendência é que a quinoa e o feijão desçam e grudem no fundo, então é necessário ficar mexendo.

Aqui em casa deixamos ela ligada até começar a ferver, mexendo sempre, assim que isso acontecia, desligávamos e tampávamos e deixamos quieto por 10 minutos. Fizemos isso muitas vezes. Se sua panela tiver antiaderente será bem mais tranquilo.

Essa receita rende muito MUITO chili. E se você quiser saber como comer é só clicar aqui pra aprender a fazer umas tortillas lindas e maravilhosa.

Chili de Quinoa (Vegano) Chili de Quinoa (Vegano) Chili de Quinoa (Vegano)

Bolinho de grão-de-bico

Ontem fomos fazer um dos eventos dos quais participo de tempos em tempos. É uma feira para novos estilistas e também novos chefs poderem expor seu trabalho e ter a chance de se divulgar e vender seus produtos. Além de, é claro, ser um lugar muito hype e charmoso do Rio de Janeiro. (aqui vão algumas fotos da minha barraca e de eu sendo linda com o Felipe atrás da câmera).

Ginger Bistrô - Cluster

Ginger Bistrô - Cluster

Ginger Bistrô e Fotografando à Mesa

Estou muito orgulhosa de mim porque hoje consegui montar um prato vegetariano e muito MUITO maravilhoso. Tão maravilhoso que ouvi pessoas não vegetarianas falando que era melhor que o prato com carne.
Só amor, né?

E por isso eu resolvi que vou dar as receitas do que eu fiz durante essa semana. A começar pelo bolinho de grão de bico assado que, sério, melhor que muitos bolinhos com carne por aí.
Na verdade, se tirarmos a maionese de pepino de cima do bolinho, seria um prato vegano o que faz com que as receitas que vou dar sejam veganas, então estou ainda mais orgulhosa de mim agora, rs.

Vamos começar logo porque pra que perder tempo quando se tem uma comida tão maravilhosa pela frente, não é mesmo?

Bolinho de grão de bico - O Cluster

Ingredientes:
– 400g de grão de bico
– 2 colheres de sopa de salsa
– 1 colher de sopa de coentro
– 1 pitada de páprica picante
– 1 pitada de orégano
– 3 colheres de sopa de farinha de trigo
– Sal e pimenta do reino a gosto

Para começar, deixe o grão de bico de molho em água por pelo menos 12 horas. Quanto mais tempo você deixar, melhor ele vai ficar. Coloque numa panela de pressão coberto de água e conte 25 minutos depois que pegar pressão.
Você também pode usar aqueles grão de bico em conserva se quiser mais praticidade!

Depois que o grão de bico esfriar, comece a amassá-lo com as mãos, até que se forme uma pasta.

Com a salsinha e o coentro picados, misture todos os outros ingredientes ao grão de bico e continue amassando colocando todo amor do mundo. O ponto da massa é quando você conseguir moldar uma bolinha nas mãos.

Faça as bolinhas e achate, formando discos com a massa.
Com o forno pré-aquecido a 200 graus, leve os disquinhos para assar em uma forma untada por mais ou menos 15 minutos de cada lado, até que estejam dourados.

Coma até morrer porque fica bom demais tão bom que você vai querer ter pra sempre em casa.

Bolinho de grão de bico - O Cluster

Bolinho de grão de bico - O Cluster

Bolinho de grão de bico - O Cluster