Rolinho Vietnamita

É Carnaval. Literalmente, Carnaval. O meu feriado preferido de todos os feriados que podem existir. Porque eu posso ser estranha, sair fantasiada e posso ficar bebada e ninguém poderá me julgar. Não importa onde eu esteja.

Esse ano, infelizmente, não estarei no Rio. Depois de 21 carnavais naquela cidade linda, o vigésimo segundo será em São Paulo. Mas não tem problema não que mesmo o Carnaval aqui sendo meio fajuto, mesmo não tendo muito bloco e ninguém levando fantasias a sério, ainda é Carnaval. E já que não vou pro Rio decidi fazer a coisa que mais amo na vida: beber e comer muito, e muito bem, neste feriado longe da cidade com o melhor Carnaval do planeta.

Por isso escolhemos essa receita. Porque se você for ou não for pular e ir a blocos não importa, ela continua sendo uma boa opção. Ainda mais com o calor do inferno que tá fazendo aqui, no Rio, em Salvador e em qualquer outro lugar.

É uma simples releitura de um rolinho tradicional do café da manhã no Vietnã. Eu fiz uma versão mais almoço ou lanche, acompanhada de molho Satay e feita com deliciosos montinhos de couscous marroquino e broto de feijão. Porque assim como o Carnaval, nem sempre os ingredientes precisam parecer combinar para cantarem uma linda música juntos. Não acredita? Então faz em casa e você vai vir aqui pedir desculpas.

Continuar a ler

Batatas Hasselback

Não, essa receita não é minha e também não fui eu quem ensinei vocês a fazerem no vídeo. Mas calma que tudo tem uma explicação! Esse é um vídeo especial porque temos a participação da Amanda, do Marola com Carambola.

A nossa ideia era conseguir fazer uma receita deliciosa e simples porque o legal mesmo é vocês verem as nossas besteiras. E se tem uma coisa que eu posso garantir é que essas tais Hasselback, que nada mais são do que batatas aperitivo (ou de acompanhamento) assadas quase cortadas em fatias com bacon e especiarias secas, são uma das coisas mais simples e belas da vida.

E assim encerro essa introdução porque o melhor mesmo é ver a Amanda que nunca deu receitas faladas fazendo isso no nosso canal!

Batatas Hasselback

Ingredientes:
– 4 batatas inglesas grandes
– 50g de bacon
– 50g de parmesão
– Especiarias secas de sua preferência
– Azeite e sal
– Papel alumínio

Para começar, lave bem as batatas e com uma faca afiada faça cortes finos nela, sem chegar ao final. A ideia é que as fatias fiquem marcadas mas continuem presas na batata. Se você não tem as habilidades com a faca é só seguir a dica da Amanda!

Depois disso, coloque-as em uma assadeira e jogue azeite, as especiarias e o sal. Nós usamos salsa, tomilho, manjericão e pimenta calabresa, tudo seco.

Passe o papel alumínio por cima da forma e leve em forno pré-aquecido a 200 graus por 1 hora.

Depois disso, tire as batatas do forno. A ideia é que as batatas já estejam meio cozidas e mais abertas. Coloque mais sal e mais azeite e volte ao forno por mais 10 minutos.

Batatas Hasselback

Enquanto isso, corte o bacon em cubinhos pequenos. Retire as batatas do forno e coloque o bacon (ou o parmesão no caso do felipe). Volte ao forno por mais 15 minutos ou até que o bacon esteja bem fritinho e crocante!

Nós enfeitamos no prato com salsa e pimenta dedo-de-moça fatiada bem fininha, só pra ficar bem lindo!

Batatas Hasselback

Batatas Hasselback

Batatas Hasselback

Batatas Hasselback

Batatas Hasselback

Arroz Tailandês

Estávamos precisando de algumas coisas deliciosas para o blog. E aí eu me lembrei que tinha na minha despensa um montão de temperos tailandeses que o Perrone, do Sanduba Insano, trouxe aqui pra casa um dia desses pra cozinhar pra gente!

Claro que não estou querendo te convencer que essa é a comida thai tradicional até porque sei que não é. Fiz uma versão própria do que eu acho que seria bom comer se eu fosse viajar pra tailandia, se é que assim me explico bem! O que eu sei é que ficou muito muito bom e acho que vocês deveriam tentar em casa!

Arroz Tailandês

Ingredientes:
– 1 xícara de arroz de jasmin
– 1 cenoura grande
– 1 cebola
– 1 pimentão vermelho
– 200ml de leite de coco
– 1 limão
– Pasta de Curry
– Mistura de Satay
– 50g de peito de frango
– 1 punhado de salsa

Para começar, corte o frango em cubos e coloque um pouco da mistura do Satay, segundo a embalagem. Se você não tiver a mistura, coloque 1 colher de chá (bem cheia) de curry em pó. Misture com uma colher de sopa de leite de coco e deixe descansar.

Corte o pimentão, a cebola e a cenoura e reserve.

Arroz Tailandês

Se você não achar a pasta de curry, uma forma que eu encontrei de fazer em casa foi pegar 1 colher de sopa de curry, colocar 1 colher de chá de páprica e ir misturando água até formar uma pastinha. Claro que não vai ser igual, mas substitui bem!

Em uma frigideira bem quente, frite o frango temperado e reserve. Na mesma frigideira, coloque a cebola e comece a refogar. Adicione a pasta de curry e, em seguida, os outros legumes já cortados. Refogue por mais ou menos 2 minutos e adicione o arroz. Refogue por mais um minuto.

Arroz Tailandês

Na hora de adicionar a água para o arroz, dilua o leite de coco nela para que a quantidade total já tenha o leite de coco incluido! Coloque a água na frigideira e deixe cozinhar. Quando estiver quase pronto, esprema o limão e coloque as folhas de salsa quebradas com a mão.

Para montar o prato, coloque o arroz, o frango e algumas folhas de salsa cortadas com a mão por cima. Essa receita serve 4 pessoas. Eu fiz o frango pra uma pessoa só, então se for fazer ele para 4, é só multiplicar tudo por quatro!

Arroz Tailandês Arroz Tailandês Arroz Tailandês

Cachorrão da Afonso Pena

É chegado o tão esperado dia de minha vida. O momento que eu aguardei por tantos e tantos meses, o único e exclusivo momento de mostrar para você a versão gourmet do melhor cachorro quente do universo inteiro. E ai você vai se perguntar: ah mas o que pode ser tão diferente em um cachorro quente de rua, não é mesmo? Mas o grande e amoroso segredo deste lindo podrão localizado na Praça Afonso Pena, na saudosa Tijuca, são nada mais nada menos que SETE MAIONESES!

Sim, são sete maioneses e o maior trabalho para reconstruir essa maravilha da natureza foi desvendar (e meio que inventar) quais eram esses sete maravilhosos sabores. E não podia deixar de ser o número 7 já que claro assim como as 7 maravilhas do mundo, temos as 7 maioneses do melhor cachorro quente já inventado.

Bem, vamos parar de tanto blablabla. Só por favor entendam que não vai dar nunca pra comparar a minha versão com a original porque… Bem, porque são amores diferentes. Ah, e pode parecer que vai ser difícil porque são muitos ingredientes, mas essa é provavelmente a receita mais fácil que já fizemos.

Receita Cachorro Quente Sete Maioneses

Ingredientes para a Maionese:
– 1 ovo
– 1/2 limão
– Quanto baste de Óleo
– 1 Tomate Seco
– 1 punhado de Salsinha
– 6 Azeitonas Pretas
– 1 colher de chá Curry
– 1 colher de chá de Mostarda e 1 de queijo parmesão
– 1 dente de Alho
– 1 colher de chá de Molho de Pimenta

Para começar, em um liquidificador coloque o ovo e o limão e comece a bater. Vá adicionando o óleo em fio até conseguir o ponto de maionese. Para fazer os sabores, corte o que precisa ser cortado e misture as quantidades com duas colheres de sobremesa da maionese pronta, cada uma em um potinho.

Receita Cachorro Quente Sete Maioneses

Ingredientes do Molho:
– 4 tomates
– 1 pimentão verde
– 1 cebola
– 100g de ketchup
– 2 colheres de sopa de extrato de tomate
– 5 salsichas

Comece refogando a cebola e o pimentão, cortados em tiras, e depois adicione os tomates cortados em tiras grossas, deixe refogar e adicione os outros ingredientes, menos a salsicha. Deixe cozinhar por pelo menos meia hora e depois adicione a salsicha e cozinhe por mais 10 minutos.

Receita Cachorro Quente Sete Maioneses

Ingredientes para Montagem:
– Salsicha e Molho
– Pão de cachorro-quente
– 7 maioneses
– Batata Palha
– Ovo de Codorna
– Azeitona
– Milho
– Ervilha
– Queijo Ralado
– Ketchup
– Mostarda

A beleza deste cachorrão está em sua montagem.
Para começar, coloque a salsicha com um pouquinho de molho por cima. Precisa ser um pouquinho porque ele pode desmontar. Passe as 7 maioneses, e ai você pode até usar uma colher só pra todas, lá eles fazem assim e funciona magicamente.
Continue e adicione 2 ovos de codorna, 2 azeitonas, o milho, a ervilha, o queijo ralado, a batata palha e por fim o ketchup e a mostarda. Coma até ter um treco e coma com gosto, porque esse é o melhor cachorro quente do mundo.

Receita Cachorro Quente Sete Maioneses