Pão de Hambúrguer

Achei que já era hora de ensinar essa receita aqui. Também acho que já passou do tempo de voltar a postar receitas básicas. Tá certo, você pode me dizer que fazer pão de hambúrguer não é ~básico~ mas pra mim é essencial saber fazer um bom pão pra cada ocasião. E tudo se explicará na quarta-feira. Sério, confia em mim.

Já testei algumas receitas de pão de hambúrguer desde que decidi que amava hambúrguer e fazê-los em casa. Afinal, não é tão fácil assim achar bons pães. Normalmente aqueles de mercado molham com o suco da carne, se desfazem e deixam todo mundo triste. Mas não esse.

Gosto de acreditar que essa é uma receita clássica, digamos, porque é literalmente só o pão. Não é um pão de batata nem nada assim. Eu vi a original aqui e fiz beeeem parecido com ela. Então, mão à obra!

Como fazer pão de hambúrguer

Continuar a ler

Anúncios

Pão Trançado

Uma receita cheinha de amor. Não, vocês nem precisariam saber qual é, só precisam mesmo é saber que pães sempre são, de alguma forma, amor à primeira vista para mim. Nesse caso foi justamente isso. Quando convidei o Vitor pra aparecer por aqui, disse a ele o de costume “o convidado é quem escolhe a receita” e adicionei “a coisa que mais amo fazer na vida são pães”.

Em seguida veio ele com uma foto desse pão que ele tinha feito na casa dele. Um pão tão lindo e charmoso que ganhou meu coração de primeira. E foi assim que decidimos que a gente ia fazer isso mesmo. Numa versão doce e uma salgada, todas muito deliciosas.

Só peço que, por favor, você não se assuste com a bagunça que faremos e com as besteiras que falamos. Foca na receita que é linda e que no final fica tão gostosa que dá vontade de chorar.

Pão Trança

Ingredientes da Massa:
– 400ml de água morna
– 10g de fermento biológico seco
– 720g de farinha de trigo
– 60g de açúcar cristal
– 2 ovos batido
– 1 pitada de sal

ATENÇÃO: essa receita não é minha, ela é do Vitor, lá do Prato Fundo e isso deveria te explicar porque as medidas são tão lindas e precisas já que eu faço tudo no olho. Os recheios foram criados por mim, então chega de falar e vamos começar.

Em uma tigela, coloque a água, o fermento e metade do açúcar. Mexa e deixe descansar por 15 minutos, até que o fermento seja ativado (vão ter bolhas e espuma à vista).

Adicione 1 ovo, o restante do açúcar e mexa. Em seguida, vá colocando a farinha aos poucos, até que se forme uma massa que desgrude das mãos. Sove a massa por uns 10 minutos e depois deixe crescer por mais ou menos 20 minutos, até que dobre de tamanho.

Pão Trança

Ingredientes do Recheio Salgado:
– 150g de tomate cereja
– 1/2 cebola roxa
– 20 folhas de manjericão fresco

Ingredientes do Recheio Doce:
– 150g de ricotta fresca
– 2 colheres de sopa de mel

Quando a massa estiver descansado, volte a sovar, divida no meio (metade para o pão doce e metade para o salgado) e abra em um retângulo. É importante que seja realmente um retângulo com um lado bem mais comprido que o outro. Coloque o recheio na massa aberta e enrole, como se fôssemos fazer um rocambole.

Feito isso, feche as pontas do rolinho e corte-o em três tiras, também de comprido. Aqui é a parte em que eu digo que vai sujar porque o recheio vai começar a sair para os lados. Com cuidado, comece a trançar o pão, igual faz trança em meninas mesmo.

Pão Trança

Coloque numa assadeira e pincele com o outro ovo batido. Deixe descansar por mais 20 minutos e leve em forno pré-aquecido a 200 graus até que eles fiquem dourados por cima!

Essa receita rende 2 pães trança que podem alimentar até 4 pessoas tranquilamente.

Pão Trança

Pão Trança

Pão Trança

Pão Trança

Pão Trança

 

Pão de Queijo do Quinzinho

Setembro: o mês mais lindo do ano! E tudo isso porque é nele que está o meu aniversário, o dia mais fofo e maravilhoso do ano. Dia 18 é meu aniversário e nada melhor do que um especial para comemorar! A ideia é trazer comidas de livros, séries e jogos que eu gosto desde criança. Vamos fazer uma linha do tempo e pra começar: TURMA DA MÔNICA!

Claro que eu sempre achei que era a Magali e claro que as comidas que o Quinzinho dava pra ela sempre me faziam querer comer mais do que eu já comia. Por isso escolhi essa maravilha de pão de queijo pra ensinar pra vocês. E ainda recheamos ele. Então vem comigo que hoje começa uma série de 9 videos pra comemorar meu aniversário!

Pão de Queijo Turma da Mônica

Ingredientes:
– 500g de polvilho azedo
– 1/2 xícara de óleo
– 1 xícara de leite morno
– 2 ovos
– 50g de queijo parmesão ralado
– 100g de queijo minas curado
– Sal a gosto

Para o recheio:
– 100g de queijo minas curado
– 50g de azeitonas verdes

Coloque o polvilho em uma tigela e depois coloque o leite e o óleo para escaldá-lo. Mexa com as mão até que se forme uma farofinha molhada, vai ficar tipo areia da praia!

Depois, adicione os ovos e mexa até que se forme uma massa que desgruda da mão. Coloque os queijos, ambos ralados, e misture até que eles estejam incorporados à massa.

Pré-aqueça o forno a 200 graus.

Corte as azeitonas em pedaços menores e rale o queijo. Separe uma bolinha de massa e achate para formar um disquinho. Ponha na palma da mão e faça uma conchinha. Coloque um pouquinho de recheio no centro e com um outro pedaço de massa feche a massa. Aperte bem para garantir que fechou e faça uma bola direitinho.

Coloque os pães de queijo em uma fôrma untada com manteiga ou óleo e leve para assar até que estejam douradinhos. Esses pães ficam iguais aos da padaria, com a casquinha dura em volta e macios por dentro. Ah, e rende mais ou menos 20 pães de queijo grandinhos!

Pão de Queijo Turma da Mônica

Pão de Queijo Turma da Mônica

Pão de Queijo Turma da Mônica

Frango Cremoso

De vez em quando a gente consegue lembrar que na verdade esse não é um blog de receitas vegetarianas e aí sai alguma coisa fantástica com carne. O caso é que como moramos só eu e Felipe, em 99% do tempo eu fico com preguiça de cozinhar alguma carne só pra mim, só faço isso quando estou morrendo de vontade de uma.

E aí nós lembramos que poderíamos fazer uma receita de frango, mesmo que para isso o Felipe tivesse que no final comer a pastinha que fizemos sexta-feira (o que não é nenhum sacrifício, já que ela estava uma delicia). Então vamos lá, vamos aprender a fazer frango cremoso!

Frango Cremoso ao Funghi

Ingredientes:
1 xícara de molho branco
– 250g de peito de frango
– 50g de shimeji desidratado ou fresco
– 2 colheres de sopa de salsinha
– Suco de 1/2 limão siciliano
– 4 colheres de sopa de azeitonas
– 3 fatias de pão de fôrma
– Queijo parmesão
– Sal e pimenta do reino a gosto

Comece preparando o molho branco. A receita do nosso é uma delicia e é só clicar aqui pra você ir lá ver! Deixe o molho esfriar.

Se você estiver usando shimeji desidratado igual a mim, é só clicar aqui que a gente te ensina como hidratar ele. E ai você pode guardar um pouquinho da água que vai hidratá-lo pra colocar no seu frango também!

Corte o frango em cubos e se quiser aproveite para cortar o cogumelo em pedaços menores também. Leve para uma frigideira o frango e refogue, adicionando depois o cogumelo e um pouco da água que você usou para hidratá-lo. Retire do fogo e deixe esfriar.

Frango Cremoso ao Funghi

Enquanto o frango esfria, corte a salsa e as azeitonas e depois coloque na frigideira. Esprema também o suco de meio limão siciliano (se você não tiver, pode ser o normal mesmo). Adicione o molho branco e misture até formar um creme.

Corte os pães de fôrma em cubinhos e coloque por cima, ralando o queijo parmesão também.
Leve ao forno pré-aquecido a 220 graus até que o pão fique tostado e o queijo derreta!

Eu comi com pão mesmo, mas você pode servir acompanhado de arroz e uma salada que também fica uma delicia!

Frango Cremoso ao Funghi

Frango Cremoso ao Funghi

Pastinha de Tomate

Ah, as maravilhas da cozinha americana! Uma das melhores aquisições da minha vida foi o livro Joy of Cooking que, pra quem não sabe, é o mais tradicional livro da cozinha americana e também o mais vendido nos Estados Unidos. Eu consigo entender perfeitamente já que esse livro é: amor.

Estamos inclusive pensando em fazer uma temporada de receitas tiradas do livro, com meu toque pessoal, para fazer algo no estilo Julie&Julia! Porque nada como conhecer um livro tão bem que você sabe onde procurar tudo nele, né?

E hoje vamos fazer uma maravilhosa e inexplicavelmente simples pastinha de tomate. Pra quando você for receber seus amigos e tiver com preguiça, mas quiser impressioná-los com seus dotes culinários!

Pastinha de Tomate

Ingredientes:
– 2 latas de tomate sem pele
– 3 colheres de sopa de farinha de tapioca
– 1/2 cebola
– 1 colher de chá de páprica picante
– 1/2 colher de chá de açúcar
– Sal a gosto
– 20 azeitonas verdes
– Queijo parmesão ralado

Coloque água em uma panela para fazer um banho-maria. Pegue uma tigela que encaixe em cima dessa panela e coloque as duas latas de tomate sem pele dentro dela, quebrando levemente os tomates.

Corte a cebola em cubinhos e refogue em uma frigideira até que fique douradinha.

Leve o tomate para o banho-maria e misture a cebola, a farinha de tapioca e os outros ingredientes, menos o queijo. A farinha de tapioca serve como um espessante. Você pode substituir por farinha de trigo ou maizena, mas o resultado não vai ser o mesmo…

Pastinha de Tomate

Deixe em banho-maria por 7 minutos mexendo com um fouet de vez em quando. Enquanto isso, coloque as azeitonas em uma tábua e pressiona com a parte de trás da faca para que o caroço se solte.

Retire a mistura de tomates do fogo, incorpore as azeitonas já sem caroço e transfira para uma assadeira. Rale o queijo por cima e leve em forno pré-aquecido até que o queijo derreta.

Sirva com pães torrados ou com torradinhas mesmo!

Pastinha de Tomate

Pastinha de Tomate

 

Pastinha de Tomate

Pastinha de Tomate

Para começar: Geléia de Morangos

Não sei se essa é bem uma receita base pra alguma outra receita que não Cheesecake. Na verdade sei que é, mas esse não é o motivo pelo qual essa receita vai ao ar hoje.

Eu amo morangos, provavelmente essa fruta é minha preferida entre todas as que eu já comi e portanto eu amo comer qualquer coisa que envolva. Minha receita de cheesecake, por exemplo, é com geleia de morangos e eu como no pão e em todo lugar que der.

Mas eu sei que é meio caro comprar uma boa geléia e quando eu descobri essa receita foi a alegria da minha vida (isso faz algum tempo). Ela é tão fácil que vai te fazer chorar, então bora lá.

Geleia de Morango

Ingredientes:
– 200g de morangos
– 1 xícara de chá de açúcar

Escolha os morangos mais vermelhinhos que achar, daqueles bem lindos que aprecem que saíram de um filme.
Lave bem e corte grosseiramente em pedaços menores. Eu faço isso pra geléia ficar pronta mais rápido!

Coloque-os em uma panela junto com a xícara de açúcar e deixe em fogo médio até que tenham se desfeito, mexendo de vez em quando.
Eu gosto de deixar alguns pedacinhos de morango, então não deixo virar totalmente homogênea a mistura.

Tire e leve à geladeira até esfriar, cerca de 2 horas.

Geleia de Morango

Geleia de Morango

Alho Confit

Uma correria chamada: semana de Páscoa. Mas como somos lindos e amamos vocês do blog resolvemos fazer uma receita tão boa e tão simples que mesmo que você faça ovos de páscoa pra vender como eu, vai conseguir fazer e comer essa delicia.

Alho ConfitVocê pode estar se perguntando mas como você vai comer alho com aquele gosto tão forte? Calma, você vai fazer e vai ver que ele fica totalmente diferente, parecendo sei lá talvez uma batatinha deliciosa e irresistível!

E você pode comer puro, colocar no pão, servir como uma entradinha em cima de uma fatia de pão italiano e falar que é uma bruschetta!

Alho Confit

Ingredientes:
– 1 cabeça de alho
– Azeite
– Orégano e sal a gosto

Esta é uma receita bem simples. A única parte dificil é cuidar pro azeite não ferver durante o cozimento.

Coloque os dentes de alho já separados e descascados (ou não, a gente não descasca porque o alho branco é uma delicia de comer com casca) em uma panela e cubra de azeite.

Tempere com sal e orégano antes de começar o cozimento. Na verdade, você pode colocar o que quiser para temperar o azeite, essa é só a forma como fazemos por aqui!

O alho ficará cozinhando por mais ou menos 30 minutos, sempre se lembre de não deixar o azeite ferver e pronto, depois é só comer!

Alho Confit

Alho Confit

Alho Confit