Peru de Natal

Chegamos ao ponto sem retorno. Quando já não tem mais como desistir de zerar a Ceia, aquela hora que você olha seu Peru pronto e pensa: este é o melhor que eu poderia ter feito.

Além disso, é claro, o que seria sua noite de Natal sem um delicioso Peru de Natal? E aí talvez você esteja pensando que todos que você já comeu eram secos e pareciam ter sido esquecidos no forno por muitos e muitos anos, desde o Natal anterior, e vai me dizer que não gosta tanto assim de Peru.

Essa receita surgiu porque na minha família também tínhamos esse problema. Quando ele não ficava seco, ficava meio sem graça e sem gosto. Então eu pensei: por que não cozinhar um peru com uma calda de cerveja defumada? Ela daria a ele sabor de carnes deliciosas. Mas e se eu colocasse também um pouco de mostarda Dijon? O sabor dela é tão característico que aumentaria, junto com a laranja, a acidez e ainda daria o toque que só ela poderia dar. E por último, mas não menos importante, por que não colocar mel? Só ele poderia caramelizar essa delícia e dar a doçura que compensa a acidez e que combina com a carne da ave.

E foi o que eu fiz. Aqui está a melhor receita de todos os tempos. Pelo menos pra mim.

Continuar a ler

Anúncios

Já ouviu falar em Arroz Moreno?

Como prometido, cá estou eu para ensinar vocês a fazer o arroz que acompanha o soufflé da semana passada. Apesar de ser muito muito incomum, existem outras cores e sabores desta maravilha chamada arroz e eu estou cada vez mais apaixonada por cada uma delas.
Em minha visita a Curitiba (que cidade maravilhosa obrigada pelo mercado municipal), comprei arroz negro e arroz moreno para fazer em casa, mas eles são vendidos de forma sofisticada ou não na Casas Pedro (meu pequeno paraíso no Rio). Mas vamos parar de bla bla bla porque hoje é dia de: arroz moreno com semente de mostarda e alecrim!

souflearrozweb

Ingredientes:
– 1 copo de arroz moreno
– 1/2 xícara de semente de mostarda
– 2 ramos de alecrim fresco
– 1 cebola pequena
– Sal e pimenta do reino a gosto

Uma das melhores partes é que esse arroz é super saudável e delicioso. Pra começar, é preciso lavar o arroz como fazemos com o branco, bem lavadinho, ele vai soltar o mesmo amido, então vai ser fácil de ver o ponto.
Depois disso, refogue a cebola cortada bem pequenininha em uma panela, com os 2 ramos de alecrim (solte as folhinhas por favor – se quiser pode até dar uma picadinha) e as sementes de mostarda amassadas em um pilão. Deixe que a cebola doure e coloque um pouco de sal. Em seguida, acrescente o arroz e refogue (a dica é deixar ele refogar mais tempo que o outro porque como ele é moreno não tem perigo de escurecer).
Agora, aqui está o pulo do gato. Se você gosta do arroz bem al dente (pra mim é assim que tem que ser feito, faça exatamente como arroz branco e coloque o dobro de água. Como o moreno é mais duro, se você gostar dele como fica o branco, coloque 3 copos de água para 1 de arroz. Deixe cozinhar até que a água seja toda absorvida e tcharam!
Para a apresentação eu usei um medidor (mas pode ser uma xícara sem problemas) e virei no prato, joguei um pouquinho de azeite e coloquei umas folhas de alecrim pra enfeitar.
Lindo não? Tentem fazer e me contem como foi!