Bolinho de Chuva

Para começar queria dividir com vocês minha surpresa ao descobrir que o Felipe simplesmente nunca tinha comido bolinho de chuva na vida dele até o dia em que essa receita foi feita.

Bolinho de Chuva

Também queria dividir minha indignação por ter ido procurar uma receita no livro da Dona Benta e, ATENÇÃO, não tem receita de bolinho de chuva no livro dela. Mas é claro que, como não poderia deixar de ser, peguei essa receita de outra avó, também famosa e muito muito mais hardcore e engraçada.
Hoje apresento a vocês a receita do bolinho de chuva da Vovó Palmirinha!

Bolinho de Chuva

Ingredientes:
– 2 xícaras de farinha de trigo
– 5 colheres de sopa de açúcar
– 1 ovo
– 1 colher de sopa de manteiga
– 1/2 colher de sopa de fermento em pó
– 3/4 de xícara de leite
– Canela e açúcar pra cobrir o bolinho lindo
– Óleo pra fritar

Comece misturando a farinha, o açúcar, a manteiga o fermento e o ovo em uma tigela relativamente grande. Misture e depois acrescente o leite até dar o ponto. O ponto que nesse caso quer dizer uma massa molinha mas que dê pra moldar com uma colher.

Coloque o óleo para esquentar. E aqui está o pulo do gato do bolinho de chuva. O óleo não pode estar muito quente caso contrário o bolinho vai queimar sem cozinhar por dentro. Nesse caso é melhor errar pra uma temperatura menor e deixar o bolinho lá por mais tempo!
Prepare a mistura de açúcar com canela para colocar os bolinhos assim que eles saírem da fritura.

Com a ajuda de duas colheres, faça os bolinhos em uma e empurre para o óleo com outra. Deixe que fritem até estarem douradinhos por fora e, com uma escumadeira, transfira para o açúcar com canela e dali para um recipiente com papel toalha.

Deixe que esfriem um pouco e coma com café porque é a melhor coisa que pode existir!

Bolinho de Chuva

Bolinho de Chuva

Bolinho de Chuva

Batata Recheada da Felicidade

Eu sei que hoje é sexta-feira santa e pra alguns isso quer dizer que não deveríamos ter nada com carne no blog, mas como a gente não liga pra isso fizemos a melhor batata recheada da história com uma opção com bacon e outra sem.

E ai você vai pensar: ah, mas uma batata recheada não tem como mudar muito. E nós vamos te provar o contrário, principalmente porque essa envolve um ovo quebrado dentro do recheio.

Eu sei, é literalmente o céu na Terra. (não temos fotos dos ingredientes por motivos de: nos distraimos demais com a delicia)

Ingredientes:
– 2 batatas grandes
– 4 fatias de queijo cheddar
– 200g de catupiry
– 2 ovos
– 2 fatias de bacon
– Azeite
– Sal e orégano a gosto

Comece colocando as batatas para cozinharem até que fiquem al dente. Isso vai depender do tamanho da sua batata e da potência do seu fogo, mas é só ficar de olho.

Assim que elas estiverem prontas e mais frias, marque um circulo na batata no sentido mais comprido dela e depois cave até ficar um buraquinho. Arrume-as em uma assadeira e regue com um pouco de azeite.

Antes de quebrar o ovo dentro dela, pré-aqueça o forno a 220 graus e passe sal na parte de dentro da batata. Em seguida, quebre o ovo em um potinho e transfira para dentro da batata.
Salpique sal e orégano por cima dele.

Batata Recheada da Felicidade

Leve ao forno por mais ou menos 20 minutos, até que o ovo esteja com cara de pronto, enquanto isso, vamos preparar o bacon!

Corte duas fatias de bacon relativamente finas e depois corte-as em cubinhos. Em uma frigideira quente coloque o bacon e fique mexendo (caso contrario ele vai começar a pular igual pipoca) até que fiquem bem dourados e deliciosos.

Em uma tigela misture o catupiry e o cheddar, que deve estar cortado. Se você for usar bacon, essa é a hora de misturá-lo, se não, só com queijo vai ficar lindo!

Retire as batatas do forno e coloque sua mistura de queijos dentro dela. Volte para o forno por mais 2 minutos e sirva quente.

Batata Recheada da Felicidade

Batata Recheada da Felicidade

 

Para começar: Croutons

Queria começar esse post agradecendo à todo mundo! Atingimos, ontem, mil inscritos no nosso canal do Youtube. Para nós, um canal que está apenas há 3 meses no ar, isso quer dizer muito! Obrigada de verdade à todo mundo que está lá! (e se você ainda não conhece nosso canal é só clicar aqui)

Receita de Croutons

Dito isto, há algo que eu gostaria minha de entender. Qual a deliciosa magia desses quadradinhos de pão de forma que, quando colocados sobre qualquer coisa, ficam extremamente deliciosos?

É tão fácil de fazer que vale a pena fazê-los bem na hora de comer, pra estarem bem fresquinhos e quentinhos e crocantes. Então vamos lá!

Receita de Croutons

Ingredientes:
– 8 fatias de pão de forma
– Azeite
– Orégano
– Sal e pimenta a gosto

Comece tirando as cascas dos pães. O problema de deixá-las aí é que pode ser que elas queimem mais que a parte de dentro e seus croutons fiquem estranhos.
Depois, corte-os em cubos. Não precisam ser muito pequenos e nem muito certinhos. Basicamente como você quiser, não é mesmo?

Pré-aqueça o forno a 180 graus.
Arrume os cubinhos em uma assadeira e jogue o orégano, o sal e a pimenta por cima deles, certificando-se de que todos estejam bem temperados.
Derrame o azeite por cima deles, também um pouquinho em cada um.

Leve ao forno por mais ou menos 30 minutos ou até que o pão esteja dourado e crocante, como um crouton deve ser!

Receita de Croutons

Receita de Croutons

Receita de Croutons

Receita de Croutons

E se você quer saber com o que pode comer isso, clique aqui pra ver nosso tomate recheado! Gostou da ideia?

Muffin de Parmesão

Faz bastante tempo que essa receita está guardada em nossos hds porque, sabe, eu poderia até mesmo dizer que eu tenho um pouco de ciúmes dela e assim que vocês fizerem vão entender bem porquê.

Mas aí, a parte triste de ter guardado a receita por tanto tempo é que agora eu quase chorei porque não tenho esse muffin para comer e quando você tem um blog as comidas são sempre novas para poder colocar no blog.
Isso pareceu muito legal, né? Mas imaginem como eu estou agora querendo fazer esse muffin de novo e não tendo tempo?

Então, sério, façam e comam por mim. E nos mandem fotos.

Muffin de Parmesão

Ingredientes:
– 2 xícaras de farinha de trigo
– 3 colheres de chá de fermento
– 1 colher de sopa de açúcar
– 1/2 xícara de queijo parmesão
– 1 ovo
– 1 xícara de leite
– 2 colheres de sopa de manteiga

Junte em um pote a farinha, o açúcar, o fermento e uma pitada de sal, sem esquecer de peneirar todos eles.
Depois, acrescente o queijo e dê uma misturada até que ele se espalhe pelos ingredientes secos. Se você estiver usando queijo parmesão fresco separe bem as partes dele quando fizer isso.

Agora, aqui vai o segredo para um bom muffin: não misture demais a massa. Se você fizer isso, o gluten da farinha vai se soltar e vai endurecer a massa.

Dito isto, acrescente o ovo, o leite e a manteiga (que deve estar derretida) e misture so até uma massa homogênea se formar.

Pré-aqueça o forno a 200 graus.

Despeje a massa em formas de muffin (elas costumam ser maiores que as de cupcake) até 2/3 do espaço. Como é uma massa que cresce muito, se você encher demais vai transbordar e ficar feio.
Se você estiver usando forminhas avulsas, coloque-as em um tabuleiro grande com uma camada de água em baixo. Se estiver usando um tabuleiro de formas, deixe algumas vazias e encha-as de água. Isso vai fazer com que a humidade da massa seja mantida e ele fique molinho por dentro.

Muffin de Parmesão

Muffin de Parmesão

 

Tomates Recheados

Lá estávamos nós em uma viagem para o trailer. Fomos descansar da correria e preparar nossos fígados para o carnaval que está chegando (aliás o vídeo de semana que vem será sensacional e mudará este lindo feriado de todos que já o amam).

Foi quando eu resolvi fazer meus tomates recheados. Claro, sem muita preparação, mas prometo que com a mesma gostosura das nossas outras receitas. Não tem foto dos ingredientes, mas tem o Felipe fazendo careta no finalzinho (e quem achar comenta no vídeo por favor).

Então vamos lá! Porque tomates recheados nunca são demais.

Ingredientes:
– 4 tomates grandes
– 200g de queijo mussarela
– 1/2 vidro de azeitonas verdes
– Sal e Orégano a gosto
– Azeite para regar

Pré-aqueça o forno a 180 graus.

Comece tirando a tampa dos tomates, para deixar a parte de cima aberta mesmo. Arrume-os em uma assadeira untada e regue com azeite, levando ao forno por 10 minutos.

Enquanto você espera o tomate, corte o queijo em pedaços médios e misture com a azeitona, temperando bem com sal e orégano. Mexa tudo com as mãos porque elas são a resposta de tudo.

Quando os tomates sairem do forno, com a ajuda de uma faca e de uma colher, retire bem as sementes, até que não sobre nenhuma. Jogue algumas pitadas de sal dentro do tomate, antes do recheio.
Adicione o recheio até encher bem e volte para o forno por 7 minutos. O recheio vai sobrar e é pra sobrar.

Depois disso, adicione o resto do queijo e volte para o forno por mais 7 minutos, ou até que o queijo derreta completamente.

Tomates Recheados

Tomates Recheados

Para começar: Molho de tomate

Oi pessoal,
hoje quem tá aqui é o Felipe porque eu tenho feito variações dessa receita desde a primeira vez que liguei um fogão. A Isabella maluca achou que, já que a receita é minha, a gente deveria inverter os papeis. Sim, isso quer dizer que ela tirou as fotos.

Molho de Tomate

Molho de tomate é o meu molho(talvez a minha comida) favorito, e é, provavelmente, a única coisa que eu cozinho que eu consigo garantir que vai ficar bom!
Por acaso ele também é um dos molhos base da culinária, e como o meu é super simples resolvemos dar essa receita pra vocês. Até por que, o da Isabella fica OITO HORAS reduzindo(quem é que tem esse tempo todo pra dedicar a um molho de tomate?).

Molho de Tomate

Ingredientes:
– 7 tomates bem maduros(ou seja, bem vermelhinhos)
– 2 cebolas pequenas(ou uma grande)
– 1 colher de chá de açúcar
– 2 xícaras de água
– Sal a gosto

Lembrando que isso é uma base, se você gosta de alho, adicione alho. Se gosta de cebola, jogue mais cebola, e assim por diante…

A primeira coisa é cortar os tomates em pedaços bem pequenos, não precisa tirar a semente nem a pele.
Se você gostar do molho com pedaços grandes de tomate você pode pegar um tomate a mais e cortar em pedaços grandes, quando o molho estiver pronto você adiciona eles.
Corte também as cebolas em pedaços pequenos.

Refogue a cebola em uma panela com um pouco de azeite ou manteiga(ou os dois), até que fiquem levemente douradas.

Adicione o tomate e mexa bem pra misturar com a cebola. Deixe ele cozinhar um pouquinho(uns 3 minutos, talvez?) e adicione a água, o açúcar e um pouco de sal. Deixe pra acertar o sal quando ele estiver mais perto de ficar pronto pra não salgar demais.

Agora você vai deixar o molho cozinhando por pelo menos uma hora em fogo médio, se começar a grudar no fundo da panela diminua o fogo. É importante ficar de olho no molho porque se começar a grudar pode queimar e acabar com o molho(e vai ser foda de lavar a panela depois). Se você achar que o molho tá ficando grosso demais pode acrescentar mais água. Mexa de vez em quando. O molho vai reduzir bastante, depois que já tiver reduzido uns 2 ou 3 dedos prove pra ver como está de sal e aí coloque mais sal ou algum outro tempero que você queira.

Depois de mais ou menos uma hora ele vai ficar parecido com as fotos. Se você quiser pode tirar da panela e bater no liquidificador pra ficar mais uniforme. Se você gosta dos pedaços maiores essa é a hora de colocar aquele tomate extra que eu falei lá no começo. Você também pode jogar umas folhas de manjericão agora também.

Pronto! Misture com o macarrão, coloque em cima de uma bruschetta(nesse caso acho que fica melhor com os pedaços maiores), ou de uma pizza(e nesse aqui acho que fica mais legal bater no liquidificador), basicamente pode colocar onde quiser…
Esse é um molho super simples, quando eu tô me sentindo ~ousado~ eu saio jogando várias paradas dentro, as vezes fica ótimo e as vezes nem tanto… mas não se reprimam, usem isso pra criar o seu próprio molho!

Molho de Tomate

Molho de Tomate

Molho de Tomate

Para começar: manteiga clarificada ou não?

Pode parecer complicado, mas não é. Escolher entre clarificar ou não a manteiga (e se você não sabe fazer isso é só clicar aqui) não é difícil e se você quer criar a sua receita ou mesmo mudar uma que você já viu é preciso saber disso.

Manteiga1

Para que eu possa te explicar isso, é melhor entender o que é manteiga clarificada no post que fizemos aqui.

A manteiga que nós compramos no mercado é composta de leite e de outras coisas para dar liga à gordura. Quando fazemos bolos, cupcakes e coisas onde a manteiga não é o personagem principal, isso é ótimo. Aprendemos a fazer as receitas contando com essas “impurezas” e, por isso, usar manteiga clarificada nesses casos pode ser um pouco complicado.
Isso quer dizer que se você não precisa da aparência linda e translúcida da manteiga clarificada pode (e muitas vezes deve) sem problemas usá-la da forma como compramos.

Manteiga Clarificada

Só que se você precisa de um aspecto sem essas chamadas impurezas, se a manteiga será usada apenas como gordura da receita e você quer que ela seja como um azeite (só que muito mais gostoso), é preciso clarificá-la.
Não entendeu? Clica aqui pra ver a receita do Pommes Anna que fizemos com a manteiga clarificada.
Isso quer dizer que se você precisa ressaltar o ingredientes e a manteiga não será transformada na própria receita, use o processo de clarificar.

Eu disse, lá no começo, parece difícil mas na verdade é bem simples depois que entendemos.

Manteiga Clarificada ou não?