Red Velvet

Faltam só 2 dias para a Ceia de Natal e eu me sinto na obrigação moral de escrever um post sentimental. Desculpa, mas é assim que eu sou. Eu sempre tive muito, muito ciúme dessa receita.
Acho que principalmente porque eu simplesmente sei que é uma das minhas melhores receitas.

Mas aí esse ano foi tão irado, tão especial pra mim de todas as formas e tanto por causa de vocês que nos acompanham e assistem que eu cheguei a conclusão que essa era a MINHA receita. Um bolinho vermelho, tão pequeno e aveludado, recheado e coberto de um creme de cream cheese que parece impossível de melhorar. Essa é, sem dúvida, a melhor forma de agradecer a vocês: dando, passo a passo, essa receita.

Desde que eu me entendo por gente, pra falar a verdade, odeio Natal. Quando era criança curtia os presentes, mas os natais pareciam sempre mais pra comer do que qualquer outra coisa (gulosa, eu?). Não sei explicar por quê não gostar dessa data tão linda e cheia de luzes e coisas fofas.

Continuar a ler

Anúncios

Rabanadas da Vovó Lolô

Pra mim, só é Natal quando eu entro na cozinha da minha vó e vejo ela preparando as rabanadas. Só é hora de colocar a roupa bonitinha e separar os presentes pra entregar quando eu sinto o cheiro do pão fritando e do açúcar com canela derretendo por cima dele.

Sim, minha vó faz as melhores rabanadas do mundo. Não, não é nada diferente das suas, exceto por alguns pequenos e lindos detalhes que deixam a rabanada dela ser a melhor do mundo.

E como eu amo rabanadas. De café da manhã no dia 25 talvez elas fiquem ainda mais deliciosas do que na noite de Natal. Aliás, por que a gente não faz rabanada sempre mesmo?

Continuar a ler

Muffins Natalinos

Coloca a música de Natal pra tocar. Vai, anda logo, monta a árvore e enche de luzinha e bolas vermelhas que reflitam bastante a sua sala iluminada à meia luz durante a ceia. Aproveita e tira umas fotos hipsters da árvore. Ah, e também compra uma estrela bem bonita pra colocar lá no topo. É sério, vai fazer isso, já é dezembro e a gente já vai até começar a ensinar receitas maravilhosas pra você.

Para para para! Na verdade eu não tenho árvore de Natal, não tenho luzinha e nem bolas vermelhas (até porque minhas gatas destruiriam as três coisas). Essa data pra mim só me remete a uma coisa: muita muita MUITA comida. Comer até passar mal, cozinhar pra 347 pessoas mesmo que sua família só tenha 4, comer no dia seguinte também. E esperar o Ano Novo pra comer mais. Se esse é o espírito que tanto falam? Não sei, mas é uma das poucas coisas em que eu acredito e essa data prova isso: a comida é o que reuni e sempre reuniu as pessoas.

A ideia que tivemos pra esse ano – que, aliás é o primeiro ano com o blog já bem organizado e com um especial 100% planejado e lindo – foi melhorar as receitas que sempre comemos na ceia aqui no Brasil e que a gente sabe, de alguma forma, que podiam ser melhores. E às vezes até mais fáceis. Bem, se não mais fáceis, mais divertidas.

A única receita que difere dessa ideia é a de hoje. A de abertura. Porque ela é um presente pra alguém. Então vem assistir e entender e aprender a fazer os muffins da manhã de Natal americana.

Continuar a ler

Cupcake de Abóbora

É um pouco dificil escolher as receitas de Halloween que vamos fazer pra vocês. Primeiro porque são muitas (muitas mesmo) receitas que eu queria poder colocar aqui, tudo com abóbora porque é época dela lá nos Estados Unidos, mas que dá vontade dá; segundo porque pra mim alterar receitas ditas tradicionais sempre foi um pouco complicado.

Depois da nossa Cheesecake de Abóbora – que se você ainda não viu deveria ir correndo porque é uma das melhores coisas da vida – o nível de expectativa aumentou mais ainda, mas como não poderia deixar de ser hoje é o dia oficial e não poderíamos deixar uma receita de lado.

Escolhi fazer esse cupcake lindo e delicioso e provavelmente o mais fofinho que já comi (e que já fiz com certeza) e eu recriei a cobertura e coloquei uma das coisas que mais amo na vida: chá. Então chega de falar e vamos à receita que, apesar de parecer assustadora e enorme, eu prometo que é bem bem bem fácil e ainda mais deliciosa!

Cupcake de Abóbora

Ingredientes da Massa:
– 1/2 xícara e 2 colheres de sopa de farinha de trigo
– 1 ovo
– 5 colheres de sopa de açúcar mascavo
– 3 colheres de sopa de óleo
– 1/3 de xícara de abóbora amassada
– 1 colher de chá de essência de baunilha
– 1/2 colher de chá de bicarbonato de sódio
– 1/2 colher de chá de fermento
– 1 colher de chá de noz moscada
– 1 colher de chá de canela em pó

Comece batendo o ovo e o açúcar até que se forme uma mistura fofinha. Adicione o óleo, a abóbora e a essência de baunilha e a essência e bata até misturar.

Em seguida, adicione os secos, deixando o fermento e o bicarbonato por último. Coloque em forminhas de cupcake untadas e enfarinhadas e leve em forno pré-aquecido a 180 graus até que o palito saia limpo.

Desenforme e deixe esfriar bem.

Cupcake de Abóbora

Ingredientes da cobertura:
– 100g de creamcheese
– 25g de manteiga
– 1 xícara de açúcar de confeiteiro
– 3 colheres de sopa de leite
– 1 saquinho de chá da sua preferência
– 1 canela em pau
– 2 cravos-da-india
– 1 colher de chá de noz moscada
– 1 pacote de biscoito recheado
– 1 pacote de biscoito de leite
– Ganache de Chocolate (clique aqui pra ver a receita)
– Corante Branco em gel

Comece mergulhando os biscoitos de leite na ganache e leve à geladeira.

Depois disso, coloque o leite em uma panelinha com o chá, a canela e o cravo e deixe que levante fervura. Enquanto isso, bata a manteiga na batedeira até ela ficar esbranquiçada. Adicione em seguida o creamcheese e continue a bater até aerar bem.

Aos poucos, adicione o açúcar e, quando chegar na metade, coloque o leite já infusionado para só então continuar a adicionar o açúcar. Assim que estiver pronto, reserve.

Triture os biscoitos recheados em um triturador ou dentro de um saco, amassando com as mãos ou com a ajuda de uma colher de pau.

Quando tudo estiver pronto, passe uma camada da mistura de creamcheese por cima do cupcake já frio e faça uma marcação com a faca, da forma do seu biscoito.

Retire-o já coberto pela ganache da geladeira e, com a ajuda de um pincel, pegue o corante branco e escreva RIP, para fazer as lápides.

Coloque o biscoio dentro do corte feito no cupcake e, por cima, adicione os biscoitos recheados já quebrados!

Essa receita rendeu 7 cupcakes, mas para fazer mais é só multiplicar a receita!

Cupcake de Abóbora

Cupcake de Abóbora