Tortilla de Picnic

Verão, calor, férias, amigos, sorvete, saladas, água, árvores, parques, lagoas e picnic. A gente realmente acredita que essa seja a melhor definição que pode existir de verão. Pera, isso é claro porque estou sendo romântica mas deixa assim mesmo porque tá bonito.

Eu sempre quis fazer tortillas e sempre tive muito medo delas. Achava que ia ser super dificil, complexo e desafiador e por isso fiquei enrolando, mas isso acabou. Desmistifiquei o mito de que elas são todo esse terror. Na verdade essas belezinhas são tão fáceis de fazer que dá vontade de ter sempre em casa. E talvez eu e você devêssemos fazer isso realmente.

Pra completar como nunca é suficiente, por que não recheá-la com uma maionese de batata? Mas não qualquer maionese, isso não. A melhor maionese de toda a sua vida e que vai te dar vontade de comer até explodir e ser feliz. É uma boa ideia pra pegar sua cesta de picnic (se não tiver um potinho de plástico também vai servir), embrulhar aquele suco (ou se preferir também pode ser champagne, cerveja, vinho, etc) e ir para o parque juntar seus amigos – longe da praia que está lotada e tendo arrastão e raios – e se divertir!

Continuar a ler

Frango Cremoso

De vez em quando a gente consegue lembrar que na verdade esse não é um blog de receitas vegetarianas e aí sai alguma coisa fantástica com carne. O caso é que como moramos só eu e Felipe, em 99% do tempo eu fico com preguiça de cozinhar alguma carne só pra mim, só faço isso quando estou morrendo de vontade de uma.

E aí nós lembramos que poderíamos fazer uma receita de frango, mesmo que para isso o Felipe tivesse que no final comer a pastinha que fizemos sexta-feira (o que não é nenhum sacrifício, já que ela estava uma delicia). Então vamos lá, vamos aprender a fazer frango cremoso!

Frango Cremoso ao Funghi

Ingredientes:
1 xícara de molho branco
– 250g de peito de frango
– 50g de shimeji desidratado ou fresco
– 2 colheres de sopa de salsinha
– Suco de 1/2 limão siciliano
– 4 colheres de sopa de azeitonas
– 3 fatias de pão de fôrma
– Queijo parmesão
– Sal e pimenta do reino a gosto

Comece preparando o molho branco. A receita do nosso é uma delicia e é só clicar aqui pra você ir lá ver! Deixe o molho esfriar.

Se você estiver usando shimeji desidratado igual a mim, é só clicar aqui que a gente te ensina como hidratar ele. E ai você pode guardar um pouquinho da água que vai hidratá-lo pra colocar no seu frango também!

Corte o frango em cubos e se quiser aproveite para cortar o cogumelo em pedaços menores também. Leve para uma frigideira o frango e refogue, adicionando depois o cogumelo e um pouco da água que você usou para hidratá-lo. Retire do fogo e deixe esfriar.

Frango Cremoso ao Funghi

Enquanto o frango esfria, corte a salsa e as azeitonas e depois coloque na frigideira. Esprema também o suco de meio limão siciliano (se você não tiver, pode ser o normal mesmo). Adicione o molho branco e misture até formar um creme.

Corte os pães de fôrma em cubinhos e coloque por cima, ralando o queijo parmesão também.
Leve ao forno pré-aquecido a 220 graus até que o pão fique tostado e o queijo derreta!

Eu comi com pão mesmo, mas você pode servir acompanhado de arroz e uma salada que também fica uma delicia!

Frango Cremoso ao Funghi

Frango Cremoso ao Funghi

Salada 03

Como vocês já devem ter entendido eu estou realmente tentando ter uma vida mais saudável (salvo a mussarela de ontem que digamos assim não estava muito nutritiva nem nada assim). Bem, hoje eu resolvi aproveitar a quinoa que tinha ai na geladeira e adaptar uma receita de um restaurante que é conhecido aqui no Rio, o Oui Oui. Além disso fiz uma carne com cebolas ao shoyu que ensinarei para vocês amanhã, super fácil e bem gostosa também.

Pra começar, aqui vai a lista dos ingredientes necessários:

– 200 gramas de quinoa
– 01 xícara de vagem
– 03 xícaras de shiitake
– 1/2 cenoura
– 3/4 de tomate (desculpa a precisão mas eu comi o ultimo 1/4)
– 01 xícara de azeitonas pretas
– 3 ramos de cebolinha
– azeite, sal, pimenta do reino e pimenta calabresa saladapronta

Dai você tá aí pensando: mas, Isabella, essa salada é igual a outra que você fez semana passada. Não, não é gente. Parece porque tem quinoa e quinoa é tipo arroz deixa tudo meio parecido, mas eu juro que o gosto é muito diferente.

Enfim, você vai, primeiramente, cortar a vagem em pedacinhos, nem pequenos nem grandes. Coloque em uma panelinha um tanto de água pra ferver que cubra as vagens. Ao atingir o ponto de fervura, deixe uns 5 minutos ou até ficar al dente (depende da potência do seu fogão e tal) e tire e coloque em água fria para parar o cozimento.

Enquanto ferve, parta o shiitake (pra quem não sabe, é um tipo de cogumelo muito MUITO diferente do em conversa tá? eu odeio champignon e gosto desse) em tiras e refoge com azeite e sal. Esse é o segredo da receita, portanto aqui está o motivo pelo qual você deve confiar em mim quando digo que 3 xícaras disso não é muito:
shiitakecrurefogado

Isso foi para vocês verem como vai diminuir a quantidade depois de refogada. Isso é opcional, mas caso queira colocar um pouco de molho shoyu e deixar cozinhar depois, recomendo. Feito isso, fatie a cenoura em tiras finas, corte o tomate em cubos (é importante tirar as sementes), parta as azeitonas (eu fiz com a mão porque tenho essa horrível mania de fazer as coisas com a mão) e a cebolinha razoavelmente fina. Coloque tudo isso em um pote e misture com a quinoa e o shiitake.

Pra terminar, tempere bem com o azeite, o sal e as pimentas, a gosto. Vai ficar uma delicia e você pode comer só isso ou usar de entrada para um jantar chique que vá servir na sua casa.

Façam e me contem o que acharam e, se algo der errado, estou aqui para ajudar!