Tortilla de Picnic

Verão, calor, férias, amigos, sorvete, saladas, água, árvores, parques, lagoas e picnic. A gente realmente acredita que essa seja a melhor definição que pode existir de verão. Pera, isso é claro porque estou sendo romântica mas deixa assim mesmo porque tá bonito.

Eu sempre quis fazer tortillas e sempre tive muito medo delas. Achava que ia ser super dificil, complexo e desafiador e por isso fiquei enrolando, mas isso acabou. Desmistifiquei o mito de que elas são todo esse terror. Na verdade essas belezinhas são tão fáceis de fazer que dá vontade de ter sempre em casa. E talvez eu e você devêssemos fazer isso realmente.

Pra completar como nunca é suficiente, por que não recheá-la com uma maionese de batata? Mas não qualquer maionese, isso não. A melhor maionese de toda a sua vida e que vai te dar vontade de comer até explodir e ser feliz. É uma boa ideia pra pegar sua cesta de picnic (se não tiver um potinho de plástico também vai servir), embrulhar aquele suco (ou se preferir também pode ser champagne, cerveja, vinho, etc) e ir para o parque juntar seus amigos – longe da praia que está lotada e tendo arrastão e raios – e se divertir!

Continuar a ler

Anúncios

Cachorrão da Afonso Pena

É chegado o tão esperado dia de minha vida. O momento que eu aguardei por tantos e tantos meses, o único e exclusivo momento de mostrar para você a versão gourmet do melhor cachorro quente do universo inteiro. E ai você vai se perguntar: ah mas o que pode ser tão diferente em um cachorro quente de rua, não é mesmo? Mas o grande e amoroso segredo deste lindo podrão localizado na Praça Afonso Pena, na saudosa Tijuca, são nada mais nada menos que SETE MAIONESES!

Sim, são sete maioneses e o maior trabalho para reconstruir essa maravilha da natureza foi desvendar (e meio que inventar) quais eram esses sete maravilhosos sabores. E não podia deixar de ser o número 7 já que claro assim como as 7 maravilhas do mundo, temos as 7 maioneses do melhor cachorro quente já inventado.

Bem, vamos parar de tanto blablabla. Só por favor entendam que não vai dar nunca pra comparar a minha versão com a original porque… Bem, porque são amores diferentes. Ah, e pode parecer que vai ser difícil porque são muitos ingredientes, mas essa é provavelmente a receita mais fácil que já fizemos.

Receita Cachorro Quente Sete Maioneses

Ingredientes para a Maionese:
– 1 ovo
– 1/2 limão
– Quanto baste de Óleo
– 1 Tomate Seco
– 1 punhado de Salsinha
– 6 Azeitonas Pretas
– 1 colher de chá Curry
– 1 colher de chá de Mostarda e 1 de queijo parmesão
– 1 dente de Alho
– 1 colher de chá de Molho de Pimenta

Para começar, em um liquidificador coloque o ovo e o limão e comece a bater. Vá adicionando o óleo em fio até conseguir o ponto de maionese. Para fazer os sabores, corte o que precisa ser cortado e misture as quantidades com duas colheres de sobremesa da maionese pronta, cada uma em um potinho.

Receita Cachorro Quente Sete Maioneses

Ingredientes do Molho:
– 4 tomates
– 1 pimentão verde
– 1 cebola
– 100g de ketchup
– 2 colheres de sopa de extrato de tomate
– 5 salsichas

Comece refogando a cebola e o pimentão, cortados em tiras, e depois adicione os tomates cortados em tiras grossas, deixe refogar e adicione os outros ingredientes, menos a salsicha. Deixe cozinhar por pelo menos meia hora e depois adicione a salsicha e cozinhe por mais 10 minutos.

Receita Cachorro Quente Sete Maioneses

Ingredientes para Montagem:
– Salsicha e Molho
– Pão de cachorro-quente
– 7 maioneses
– Batata Palha
– Ovo de Codorna
– Azeitona
– Milho
– Ervilha
– Queijo Ralado
– Ketchup
– Mostarda

A beleza deste cachorrão está em sua montagem.
Para começar, coloque a salsicha com um pouquinho de molho por cima. Precisa ser um pouquinho porque ele pode desmontar. Passe as 7 maioneses, e ai você pode até usar uma colher só pra todas, lá eles fazem assim e funciona magicamente.
Continue e adicione 2 ovos de codorna, 2 azeitonas, o milho, a ervilha, o queijo ralado, a batata palha e por fim o ketchup e a mostarda. Coma até ter um treco e coma com gosto, porque esse é o melhor cachorro quente do mundo.

Receita Cachorro Quente Sete Maioneses

 

 

Viva México! – Guacamole

Estamos aqui hoje para continuar o nosso especial Viva México! dessa vez com uma receita tão deliciosa e única que não tem como explicar e que por isso foi escolhida para homenagear as mães nessa linda semana.

E antes que você venha me criticar dizendo que isso não é comida de mãe, tenho certeza que em algum lugar do mundo as mães fazem isso para seus filhos quando pequenos. Pra falar a verdade, talvez até eu faça pros meus quando eles nascerem.

Então é isso, chega de papo e vamos comer Guacamole!

Receita de Guacamole

Ingredientes:
– 1 abacate
– 1 tomate
– 1 cebola
– 1 pimenta dedo de moça
– 1 limão
– Coentro
– Sal e pimenta do reino a gosto

Se você assim como eu mora no hemisfério sul, esta não é a melhor época para comprar abacate e, por isso, você provavelmente não encontrará um maduro para vender. Eu aconselho que você compre e espere amadurecer em casa, mas se você for apressado como eu, aqui vai a dica:
Corte o abacate em cubos e bata no liquidificador com um tiquinho de nada de água para formar uma pasta.
Se ele estiver maduro é só amassar com um garfo.

Corte os tomates e a cebola em cubinhos e misture com o abacate.
Corte a pimenta também em cubos, tirando a membrana e as sementes.

Corte o coentro pequenininho e misture com os outros ingredientes e depois esprema o suco do limão, misturando bem.

Tempere com sal e pimenta do reino e coma até explodir!

Receita de Guacamole

Receita de Guacamole

Receita de Guacamole

Para começar: Molho de tomate

Oi pessoal,
hoje quem tá aqui é o Felipe porque eu tenho feito variações dessa receita desde a primeira vez que liguei um fogão. A Isabella maluca achou que, já que a receita é minha, a gente deveria inverter os papeis. Sim, isso quer dizer que ela tirou as fotos.

Molho de Tomate

Molho de tomate é o meu molho(talvez a minha comida) favorito, e é, provavelmente, a única coisa que eu cozinho que eu consigo garantir que vai ficar bom!
Por acaso ele também é um dos molhos base da culinária, e como o meu é super simples resolvemos dar essa receita pra vocês. Até por que, o da Isabella fica OITO HORAS reduzindo(quem é que tem esse tempo todo pra dedicar a um molho de tomate?).

Molho de Tomate

Ingredientes:
– 7 tomates bem maduros(ou seja, bem vermelhinhos)
– 2 cebolas pequenas(ou uma grande)
– 1 colher de chá de açúcar
– 2 xícaras de água
– Sal a gosto

Lembrando que isso é uma base, se você gosta de alho, adicione alho. Se gosta de cebola, jogue mais cebola, e assim por diante…

A primeira coisa é cortar os tomates em pedaços bem pequenos, não precisa tirar a semente nem a pele.
Se você gostar do molho com pedaços grandes de tomate você pode pegar um tomate a mais e cortar em pedaços grandes, quando o molho estiver pronto você adiciona eles.
Corte também as cebolas em pedaços pequenos.

Refogue a cebola em uma panela com um pouco de azeite ou manteiga(ou os dois), até que fiquem levemente douradas.

Adicione o tomate e mexa bem pra misturar com a cebola. Deixe ele cozinhar um pouquinho(uns 3 minutos, talvez?) e adicione a água, o açúcar e um pouco de sal. Deixe pra acertar o sal quando ele estiver mais perto de ficar pronto pra não salgar demais.

Agora você vai deixar o molho cozinhando por pelo menos uma hora em fogo médio, se começar a grudar no fundo da panela diminua o fogo. É importante ficar de olho no molho porque se começar a grudar pode queimar e acabar com o molho(e vai ser foda de lavar a panela depois). Se você achar que o molho tá ficando grosso demais pode acrescentar mais água. Mexa de vez em quando. O molho vai reduzir bastante, depois que já tiver reduzido uns 2 ou 3 dedos prove pra ver como está de sal e aí coloque mais sal ou algum outro tempero que você queira.

Depois de mais ou menos uma hora ele vai ficar parecido com as fotos. Se você quiser pode tirar da panela e bater no liquidificador pra ficar mais uniforme. Se você gosta dos pedaços maiores essa é a hora de colocar aquele tomate extra que eu falei lá no começo. Você também pode jogar umas folhas de manjericão agora também.

Pronto! Misture com o macarrão, coloque em cima de uma bruschetta(nesse caso acho que fica melhor com os pedaços maiores), ou de uma pizza(e nesse aqui acho que fica mais legal bater no liquidificador), basicamente pode colocar onde quiser…
Esse é um molho super simples, quando eu tô me sentindo ~ousado~ eu saio jogando várias paradas dentro, as vezes fica ótimo e as vezes nem tanto… mas não se reprimam, usem isso pra criar o seu próprio molho!

Molho de Tomate

Molho de Tomate

Molho de Tomate