Para começar: manteiga clarificada

Pode parecer que não há muita diferença entre elas.
A bem da verdade, poucas receitas conhecidas pedem que façamos isso.

A manteiga clarificada é usada em preparos delicados, mas, principalmente, em preparos de comidas salgadas onde deve ser usada a gordura que faz a manteiga. Para que ela fique com um sabor mais unificado, tiramos as impurezas da composição original, deixando apenas o sabor.

Em termos de aparência, se usarmos a manteiga “normal”, o preparo terá espuma enquanto a manteiga derreter, o leite que compõe a manteiga vai “sujar” a aparência da receita, por assim dizer.
E por isso usamos a manteiga clarificada: aproveitar o sabor, usar a gordura no preparo e deixar a apresentação do prato mais uniforme, dando destaque ao ingrediente principal.

A ideia é, literalmente, tirar as impurezas da manteiga e, para isso, existe um método.

Manteiga Clarificada

Ingredientes:
– 200g de manteiga sem sal
– 1 escumadeira

Pra começar digo que, na verdade, você pode fazer a clarificação com qualquer quantidade de manteiga acima de 150g. Menos que isso a manteiga vai amendoar (e depois queimar) antes que você possa tirar as impurezas dela.

Em uma panela pequena, derreta a manteiga por completo, deixando que ela comece a ferver. Quando isso acontecer, você verá que uma espuma branca terá se formado por cima da manteiga. Com o auxílio da escumadeira e da sua paciência, tire essa espuma de cima da manteiga.

Feito isso, com cuidado, despeje a parte translúcida da manteiga em um pote, deixando o resíduo branco de baixo (que nada mais é do que o leite) no fundo da panela para ser descartado.

E assim você terá deixado a sua manteiga com apenas a gordura e o sabor dela.

Manteiga Clarificada

Manteiga Clarificada

Manteiga Clarificada

E não esqueçam que a partir da semana que vem o dia dos nossos posts vai mudar!
Clique aqui para entender melhor!

Anúncios

2 thoughts on “Para começar: manteiga clarificada

  1. Pingback: Para começar: manteiga clarificada ou não? | Fotografando à Mesa

  2. Pingback: Para começar: Molho Holandês | Fotografando à Mesa

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s